Art. 144 Compete à Divisão de Coordenação do Centro de Referência Especializado da Assistência Social - CREAS:

  • 1. coordenar o funcionamento da unidade;
  • 2. manter articulação/parceria sistemática com instituições governamentais e não governamentais;
  • 3. coordenar o processo de entrada, atendimento, acompanhamento e desligamento das famílias no CREAS;
  • 4. garantir que as ações implementadas no CREAS sejam pautadas em referenciais teórico-metodológicos compatíveis com as diretrizes do SUAS;
  • 5. garantir o planejamento, o registro, a execução, monitoramento, e avaliação dos serviços de competência do CREAS;
  • 6. articular e fortalecer a rede de prestação de serviços de proteção social especial de média complexidade, na área de abrangência do CREAS;
  • 7. contribuir para o estabelecimento de fluxos entre os serviços de Proteção Social Básica e Especial de Assistência Social, em sua área de competência;
  • 8. participar de comissões/ fóruns/ comitês locais de defesa e promoção dos direitos de famílias, seus membros e indivíduos;
  • 9. participar de reuniões periódicas com a Chefia de Proteção Social Especial;
  • 10. realizar reuniões sistemáticas com toda a equipe da unidade, para elaboração do planejamento, controle, avaliações e ajustes que se fizerem necessários;
  • 11. planejar, coordenar e avaliar a execução das atividades administrativas da unidade e proceder levantamento de custo da unidade;
  • 12. prestar assessoramento ao Chefe e aos Diretores em matéria relativa à sua área de competência;
  • 13. subsidiar, nos assuntos de sua área de competência, a elaboração do orçamento anual da Secretaria de Assistência Social; e
  • 14. Desenvolver outras atividades afins, no âmbito de sua competência. (Redação dada pela Lei nº 1589/2013)
  • /var/www/html/wiki/data/pages/divisao_de_coordenacao_do_centro_de_referencia_especializado_de_assistencia_social_creas.txt
  • Última modificação: 2018/08/15 10:54
  • por miria